Germinar Góis: Programa de voluntariado para a recuperação de áreas ardidas

No âmbito do Programa Valorizar – Linha de Apoio à valorização Turística do Interior, o Município de Góis, marcado pelos incêndios de 2017, desenvolve o projeto “Germinar Góis”, com o objetivo de sensibilizar, numa fase pós-catástrofe, através da educação ambiental, para a intervenção em territórios afectados por incêndios.

Após uma sessão teórica –  durante a qual os participantes, em conversa com investigadores da Universidade de Aveiro e com especialistas da empresa Terra Crua, são sensibilizados para a necessidade de planeamento, ordenamento e sustentabilidade do território – os voluntários vão poder pôr em prática os conhecimentos adquiridos e contribuir para a revalorização do território devastado e promoção do seu potencial turístico, sem descurar o apoio aos empresários do sector.

Durante este fim de semana de voluntariado, cuja máxima é “cada caso é um caso”, os interessados vão poder também participar em ateliers sobre permacultura, energias renováveis ou saberes populares.

A primeira de três ações terá lugar na Aldeia do Loural, de 27 a 29 de abril, no Loural Village, estabelecimento que prima por um sistema auto-suficiente com a intenção de construir uma comunidade ecológica.  As seguintes ações realizar-se-ão, em datas a confirmar, nas aldeias de Simantorta (com destaque para a Quinta da Simantorta – Turismo em Espaço Rural) e Amiosinho ( com destaque para a Casa da Natália – AL).

Na natureza, o processo de germinação depende de vários fatores, tanto externos (água, luz, temperatura e a presença de ar), como internos. Nos dias 27, 28 e 29 de abril, em Góis, o verbo Germinar passará também a expressar a capacidade de regeneração de um território pela análise, planeamento e ação.

Veja o programa aqui

Para mais informações contactar o Posto de Turismo Municipal.

X