Macedo de Cavaleiros quer utilizar drones e georradar para detetar fugas de água

Macedo de Cavaleiros, reconhecido como ECOXXI desde 2007, pretende recorrer ao uso de drones equipados com sensores térmicos e câmaras multiespectrais para monitorizar a rede de abastecimento do concelho. O objetivo é facilitar a deteção de fugas de água, permitindo uma mais rápida reparação da canalização, com claros ganhos para o orçamento municipal e para os munícipes.

O projeto, apresentado na última Assembleia Municipal, está integrado no Plano de Ação no combate a fugas e desperdícios de água no concelho, que irá proceder a um controlo ativo de perdas de água. “Este é um problema que aflige o nosso território há mais de uma década e que tem tido impactos muito significativos nos sucessivos orçamentos municipais”, explica o presidente da Câmara de Macedo de Cavaleiros.

O recurso a estes equipamentos permite não só abranger uma área maior de monitorização, como facilita a deteção de fugas de água, dado que o drone está equipado com câmaras térmicas que assinalam zonas mais frias no solo e onde, por isso, é provável que exista uma acumulação de água.

Notícia completa disponível aqui

X