Maia alarga serviço de recolha porta-a-porta aos resíduos orgânicos

O projeto de alargamento do serviço de recolha de resíduos porta-a-porta tem como objetivo dar continuidade à estratégia de recolha seletiva do município e tornar mais cómoda e fácil a separação de resíduos.

É um projeto pioneiro e inovador (cofinanciado por fundos comunitários), não só pela sua dimensão, mas também porque tem associada a instalação de um sistema eletrónico de recolha automática de dados – identificadores nos contentores e antenas de radiofrequência nas viaturas de recolha – que permite monitorizar, otimizar circuitos e avaliar a aplicação, no futuro, de um sistema de poluidor-pagador associado à produção de resíduos (sistema mais justo do que atual, que é baseado no consumo de água).

Esta medida está a ser implementada pela empresa pública municipal Maiaambiente, em articulação com a Câmara da Maia e a Lipor – Serviço Intermunicipalizado de Gestão de Resíduos do Grande Porto.

Leia a notícia completa aqui

 

X