Orçamento Participativo Sénior | Boa prática local é caso de estudo da comunidade internacional

O Orçamento Participativo Sénior do Município de Alfândega da Fé foi considerado pelo OIDP (Observatório Internacional de Democracia Participativa) como uma boa prática no âmbito da participação dos cidadãos nas políticas locais. Uma experiência inovadora no campo da democracia participativa que é agora caso de estudo do OIDP e da comunidade internacional.

Esta iniciativa surgiu da vontade de potenciar o exercício de uma cidadania participativa, ativa e responsável, reforçando a credibilidade das instituições e a qualidade da própria democracia.

O objetivo é incentivar a interação entre município, colaboradores municipais e seniores na procura de soluções para melhorar a qualidade de vida da população idosa do concelho. Através deste mecanismo participativo os seniores podem decidir sobre uma parte do orçamento municipal, passando de meros observadores para intervenientes ativos e críticos num processo que incorpora a escolha, a decisão e a monitorização dos projetos por eles apresentados. Um fator inovador é a escolha das propostas ser feita no Conselho Municipal Sénior, dando-lhes assim a capacidade de decidir sobre quais os projetos a implementar.

Veja a notícias completa aqui

X